Crème Brûlée: a sobremesa perfeita para um jantar no dia dos namorados

creme brulee creme brulée crème brûlee

Hoje é dia dos namorados e, no fundo, a data acaba sendo uma desculpa para estarmos com quem amamos: namorados, amigos coloridos, ficantes e maridos (que são eternos namorados =). Então, vamos celebrar com uma comida gostosa e, o mais importante, feita com muito carinho. Você pode aproveitar, para prato principal e sobremesa, alguma receita que já postei no blog, e arrematar com este delicioso crème brûlée. Não é uma receita tão simples, mas também não é difícil, só um pouquinho trabalhosa. Mas o esforço vai valer a pena quando você der a primeira colherada =).

Para duas pessoas, você precisará de:

– 2 gemas (3 se forem muito pequenas);

– 1/4 xícara de açucar;

– 3/4 xícara de creme de leite fresco;

– 1/4 de xícara de leite;

– 1/2 colher de chá de essência de baunilha;

– Açucar para caramelizar;

Vamos acender o forno (baixo), para pré-aquece-lo, e começar a receita. Vamos separar as claras das gemas e utilizar somente as gemas para o crème brûlée. Coloque-as numa tigela, junte o açucar e misture bem com a batedeira, até ficar um creme esbranquiçado. Se você não tiver batedeira, pode usar um mixer ou bater na mão mesmo (vai demorar um pouquinho, mas pelo menos você perderá algumas calorias!). Pare de bater e acrescente o leite, o creme de leite e a essência de baunilha. Misture mais um pouco e deixe descansar por 15 minutos.

Enquanto isso, vamos aquecer um pouco de água numa panela, pois precisaremos cozinhar o creme em banho-maria, no forno. Eu coloquei o creme em tigelinhas individuais – dependendo do tamanho, irá render 3 porções: duas para você e uma para o seu namorado (a) =). Ah, antes de colocar nas tigelas, retire a espuminha que ficou na superfície da mistura.

Vamos levar ao forno, em banho-maria: arrume as tigelinhas numa forma retangular, coloque no forno e, depois, água quente até quase cobrir a travessa. Acho melhor colocar água com a forma já no forno para evitar qualquer acidente. Dica: fique atento para que a água não ferva, pois o creme poderá talhar;

O creme vai assar por, mais ou menos, 40 minutos em temperatura média. Logo que esfriar, colocaremos na geladeira. O ideal é que fique em torno de 5 horas. Mas, se não tiver este tempo, deixe o máximo que puder na geladeira, antes de caramelizar. Ele, ainda assim, ficará uma delícia.

creme

Para caramelizar:

Cubra o creme com açucar (mais ou menos 1 e 1/2 colher de sopa) e use o maçarico. Se você não tiver este item em casa, não se preocupe. Existe um truque: vamos caramelizar usando uma colher aquecida no fogo. Vista uma luva de cozinha térmica ou  pano de prato e segure uma colher de sopa em cima da chama do fogão, até que fique bem quente. Encoste as costas da colher no açucar, já colocado sobre o creme, e faça movimentos circulares para caramelizar o açucar. Repita a operação até que se forme uma deliciosa casquinha!

Se você também não quiser se aventurar com a colher na boca do fogo, pode preparar uma calda de caramelo. Misture 1 xícara de açucar com 1/2 xícara de chá de água. Leve ao fogo, misturando até obter ponto de caramelo. A foto abaixo é de uma calda de pudim que fiz outro dia, mas inseri no post somente para ilustrar o ponto do caramelo.

foto (19)

Assim que estiver pronto, despeje uma quantidade suficiente para cobrir os cremes, já gelados, formando uma fina camada de caramelo. É importante que seja colocado imediatamente, para que endureça já sobre o creme. Aguarde alguns minutinhos e voilà!

creme brulée

Nesta foto, utilizei o maçarico para caramelizar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s